segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Um pensamento nesta noite quente, sobre a vida...

O difícil. O difícil da vida é fazer o que se teme, sem que o que se tema seja intransponível para além das nuvens do céu aos olhos de quem ousa sonhar e se limita à lamúria.

E usando o rir como a arma mais alta que quebra as barreiras, que vence os obstáculos na vertente da pele arrepiada, conquista-se a determinação na essência da vida.

Aquecer a vida é arrancar do coração dos outros, pelo que de bom, em conjunto e no mesmo sentido se partilha em energia espontaneamente liberta… lado a lado… desprendidos de amarras, preconceitos ou estereótipos…

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Quando duas pessoas, são mais do que gente...

Madre Teresa de Calcutá chega ao Céu.

-Tendes fome? - Pergunta Deus.

Madre Teresa acena afirmativamente com a cabeça. Deus prepara para cada um uma sandes de atum de conserva em pão de centeio.

Entretanto, a virtuosa mulher olha lá para baixo e vê os glutões no Inferno a devorarem bifes, lagostas, ameijoas, doces e vinho.

No dia seguinte, Deus convida-a para outra refeição. Mais uma vez, o pão de centeio seco com atum de lata....

Mais uma vez, ela vê os do Inferno a regalarem-se com uma verdadeira orgia gastronómica...

No dia a seguir, ao ser aberta a terceira lata de atum, Madre Teresa pergunta humildemente:

- Senhor, estou grata por me encontrar aqui Convosco como recompensa pela vida casta, regrada e devotada que levei.

Mas não compreendo: só comemos pão com atum, enquanto do outro lado comem como reis...

-Ó Teresinha, sejamos realistas - diz Deus com um suspiro - achas que vale a pena cozinhar só para duas pessoas?

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Parecendo e sendo...

O ser humano não é um mero número…

Do nascer ao pôr-do-sol e durante a noite, a nossa composição de sentir, pensar e viver é a riqueza da humanidade.

E essa riqueza, não se contabiliza.

Sente-se, partilha-se e efectiva-se a cada dia…