terça-feira, 25 de dezembro de 2007

Boas Festas!


Que os pingos de chuva sejam gotas de amor

Que o frio da noite seja a metáfora da vida, pelo calor de viver…

Hoje e sempre.

Pelo Natal e nos restantes dias do Ano.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Credo!

Nesta época, os seres humanos mais abastados deixam-se levar pela frebre do consumismo.

Do que de melhor podem e devem comprar. Mas, compram.

Até inventaram um tal de Pai Natal.

Não sei se é este, mas se ele fosse “passado a ferro” não se perdia nada...

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

Vou recorrer a este exemplo...

Uma professora universitária acabava de dar as últimas orientações aos alunos acerca do exame que ocorreria no dia seguinte.

Finalizou alertando que não haveria desculpa para a falta de nenhum aluno, com excepção de um grave ferimento, doença ou a morte de algum parente próximo.

Um aluno armado em engraçado, que estava sentado no fundo da sala, perguntou:

"De entre esses motivos justificados, podemos incluir o de extremo cansaço por actividade sexual?"

A classe explodiu em gargalhadas, com a professora a aguardar pacientemente que o silêncio fosse estabelecido.

Assim que isso aconteceu, ela olhou para o aluno e respondeu:

"Isso não é um motivo justificado. "

- e continuou serenamente –

"Como o exame será de escolha múltipla, pode vir para a sala e escrever com a outra mão...

Ou, se não se puder sentar, pode responder de pé."

Cimeiras dão nisto...

Patrão fora, caos na loja.

Esta bem podia ser a manchete de um qualquer diário nacional após o avanço e recuo sobre a cobrança de 5 cêntimos por cada saco de plástico, por parte do Ministério do Ambiente.

Se Sócrates não estivesse envolvido na Cimeira Europa/África alguma vez isto acontecia?

Claro que não. Ou avançavam e não recuavam. Ou, nem sequer isso era tema de conversa...

E agora? Esperamos que não venha o comboio...

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Para o sótão...

Por mais que pareça não existir caminho, para além do que observamos, nunca devemos desistir...

quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Estranho...ou nao...

O Homem partiu para a Lua, há várias décadas, sem conhecer o interior do seu próprio planeta, nos dias de hoje...

terça-feira, 27 de novembro de 2007

terça-feira, 20 de novembro de 2007

Como somos pequenos...

O vento e a chuva chegaram e marcaram a natureza, que vive em cada um de nós.

Sim, porque a natureza, identificada pelo ambiente exterior ao Homem, não deixa de ser também, a nossa natureza.

Somos, tal como as árvores, sujeitos às forças da natureza.

Por vezes, esquecemo-nos. Ou, julgamo-nos superiores.

Porém, estas forças, fazem de nós, pequenos seres humanos...

segunda-feira, 19 de novembro de 2007

Não deve faltar muito...

Com o endividamento das autarquias, avizinham-se aumentos nos parquimetros, para o gasóleo dos carros das vereações e dos Presidentes...

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Será?

"Tenho a impressão de que os homens estão perdendo o dom de rir".
Charles Spencer Chaplin

terça-feira, 13 de novembro de 2007

Só com a água...

Como sabe bem um banho, ao fim do dia, ou, ao acordar.

Sentir a água a escorrer e a nos molhar.

É bom viver...

segunda-feira, 12 de novembro de 2007

sexta-feira, 19 de outubro de 2007

Tratado Europeu

“Os chefes de Estado e de Governo da União Europeia chegaram esta madrugada a acordo quanto ao texto final do novo Tratado europeu, anunciou oficialmente fonte da presidência portuguesa dos 27.
Após um dia inteiro de negociações no Pavilhão Atlântico, no Parque das Nações, em Lisboa, os dirigentes celebraram o novo documento que irá substituir a fracassada Constituição Europeia, rejeitada por referendo em França e na Holanda em 2005.
A decisão hoje alcançada vem culminar um processo iniciado em Junho pelos 27 e é já considerado um dos acordos mais rapidamente aprovados na história dos Tratados da construção europeia.
Todos os envolvidos falam do novo Tratado como sendo um acordo histórico alcançado pela presidência portuguesa.”

sábado, 13 de outubro de 2007

quarta-feira, 10 de outubro de 2007

E se um padre pelo caminho encontrar...

São sempre as celas que nos prendem os sonhos.

São sempre as celas que nos impedem de chegar mais longe.

São e serão sempre as barreiras que nos criarão obstáculos.

Entre estas e outras certezas, permanece também a persistência, a luta, o esforço, a dedicação…

Para a vida do dia a dia.

Nas relações familiares, de amizade e laborais.

Para o amor, não devem haver barreiras ou celas.

O amor exige que em vez de barreiras encontremos os verbos sagrados que orientam o olhar, o beijar, o abraçar, o ter, o dar, o partilhar, o sentir, o respirar…

domingo, 7 de outubro de 2007

Últimos dias, últimas semanas...

Ando perdido nos dias e nas noites, que em trabalhos e viagens, me sugam os pequenos prazeres da vida…

terça-feira, 18 de setembro de 2007

Júlio Verne...

Não, não é um mero deslizamento de terras.

É mesmo a estrada que leva ao centro da terra…

quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Por mais...

Por mais que a imagem seja linda, se não for vista contigo ao meu lado, perde o interesse…

terça-feira, 11 de setembro de 2007

Além do preconceito, há mais...?

Há determinados comportamentos que só se enquadram na idade e no momento de quem os preconiza.

Fora desse padrão, são caracterizados como desajustados, disparatados e outros adjectivos terminados em ados…

Na verdade, os comportamentos humanos não deviam ter idade ou momentos para serem aceites ou rejeitados pela sociedade.

Devia haver liberdade de pensamento e de acção, para todos aqueles que amam a vida, gostam de sorrir, de quebrar barreiras e de sentirem eternamente jovens.

Dentro da lei e da grei, será demais pedir isto?

segunda-feira, 10 de setembro de 2007

segunda-feira, 27 de agosto de 2007

Devidamente...

Setembro aproxima-se.

Altura em que os trabalhos ganham força e vigor.

Em que os encontros pela noite fora, determinam mudanças, projectos e acções em prol de todos!

terça-feira, 7 de agosto de 2007

Está na hora...


Há edificios bonitos. Outros originais.

Há edificios diferentes.

Neles vivemos, passamos, trabalhamos.

Ontem, hoje.

Nas mudanças da vida, também os espaços físicos nos acompanham.

E quando os espaços físicos mudam, também nós mudamos.

Quando boas e desejadas, as mudanças representam um novo desafio e redobradas responsabilidades.

sexta-feira, 3 de agosto de 2007

Não é fácil, mas vale a pena tentar...

Ter o sol nas mãos é um desejo do Homem.

Tocar as estrelas é um pensamento das noites, em desejos perdidos e jamais alcançados.

Mas, o sol cabe-nos num olhar...

Mas, as estrelas podem brilhar em nós...

Basta polir a essência do nosso ser...

terça-feira, 31 de julho de 2007

As meninas Leonor e Paula...

Tenho-me perdido em brincadeiras com a pequena Leonor.

Está a crescer, a cada dia que passa e a definir as suas expressões e formas.

A mãe está muito feliz. Pega nela com muito amor e carinho. Sossega-a com a sua voz e o seu olhar.

Olhar as duas, é uma sensação profundamente tocante.

O amor de ambas é inquestionável e doce...

quinta-feira, 26 de julho de 2007

A mulher é forte e linda!

Desde pequeno que comecei a admirar a mulher.

Pelas suas capacidades.

Pela sua essência.

Pela sua sensibilidade.

No dia em que a Leonor nasceu, passei a admirar, ainda mais a mulher.

Ter um filho é um momento de sofrimento muito grande.

A mulher tem de ter uma capacidade muito grande.

De resistência, de força, de determinação, de coragem.

Dedico este post à Paula, por todo o sofrimento que ela teve, para nascer a nossa filha.

A Paula surpreendeu-me, mais uma vez.

Assisti e acompanhei o nascimento, de mão dada e ao seu lado, pela união e pelos laços que nos sustentam em vida...

terça-feira, 17 de julho de 2007

Leonor dos seus encantos...

Os dias têm sido voláteis.

Os dias não são dias. As horas não são horas.

Tudo mudou e as atenções viram-se para a pequena Leonor.

Com o amor dos pais, a protecção dos familiares e o carinho dos amigos, temos vivido cada dia de forma diferente e profunda.

Tudo me parece frágil, mas forte.

Ainda que a dimensão seja condicionante, a força da vida da Leonor é imparável.

quarta-feira, 11 de julho de 2007

Dia marcante, único e inesquecível!

Olhar a vida, deu-me vida.

Sentir a vida, deu-me alegria.

Ser pai é uma sensação única e indescritível…

segunda-feira, 9 de julho de 2007

Obrigado a todos...

Esta imagem é dedicada a todos os amigos que nos últimos tempos aguardam a força da natureza...

sábado, 30 de junho de 2007

Castelos de Ourém

Desde pequeno que fui ouvindo que o cair do dia, com estas cores e tonalidades representavam uma esperança de bom tempo no dia seguinte.

Nem sempre fui constatar, nesse dia seguinte, se a profecia se concretizava.

Acho que me perdia, somente, a contemplar a natureza e os contornes que a mesma me oferecia.

Não sei se amanhã será um bom dia, mas hoje, perdi-me, mais uma vez, rendido aos encantos do céu…

sábado, 23 de junho de 2007

É melhor seguir em frente!

Por mais que os caminhos nos pareçam estranhos, perigosos, difíceis, sinuosos ou até instáveis, há que ter coragem para avançar, determinados pela força das nossas convicções…

quarta-feira, 20 de junho de 2007

Entre ambas...?

Por aqui e pelo mundo fora perdemos horas e horas dentro dos carros.

Longe da família e dos amigos.

No caminho para o trabalho que nos faz obter os €uros que no mundo comandam a vida.

Entre a questão económica e a humana, perde a humana.

Entre ambas, qual é a qualidade de vida?

sexta-feira, 15 de junho de 2007

Evoluir...

Como a nossa concepção pode mudar, consoante a posição em que nos encontremos.

Habituámo-nos a ver a Estátua da Liberdade, nos EUA, de frente.

Assim, vista de cima, fica reduzida a sua dimensão. A sua largura. A sua imponência e significado...

Talvez na vida também mudamos consoante as perspectivas, os locais, a experiência de vida.

Mudando, sem mudar os valores que nos norteiam.

Acredito que mudar também é evoluir.

segunda-feira, 11 de junho de 2007

Hipóteses várias...

Por entre o calor do Verão e as tardes de descompressão, vale um banho de piscina, de mar, ou de qualquer outra coisa...

Ou não...

Se calhar é melhor só um duche rápido.

Para não se dar muita confiança...

domingo, 10 de junho de 2007

segunda-feira, 4 de junho de 2007

Boa semana!

Há cheiros que não devem ser conhecidos!

Não vá a curiosidade ou a tentação ser mais forte que a vocação…

É que vivemos numa sociedade com crise nos valores…

domingo, 3 de junho de 2007

Grupo de amigos, prontos a ajudar!

As chamadas conclusões precipitadas, levam-nos, muitas vezes, a errar.

Perante uma imagem ou um facto a que assistimos casuisticamente, fazemos juízos de valor.

Ninguém é perfeito e todos erramos, excepto o Presidente da República Cavaco Silva, que raramente se engana e nunca tem dúvidas, mas o comum dos mortais, erra.

Entre os erros da vida, que façamos amigos.

Entre os erros da vida aprendamos a viver e partilhar.

Entre os erros da vida aperfeiçoemos a nossa forma de estar e ser.

Que consigamos transformar os erros da vida em lições de crescimento e amadurecimento humano.

Só assim, deixaremos de tirar conclusões precipitadas sobre os outros.

Só assim conseguiremos viver a nossa vida com paz e amor.

quinta-feira, 31 de maio de 2007