sábado, 22 de agosto de 2009

À elasticidade do jornal Ourém e o seu Concelho...

8 comentários:

mlu disse...

Eh...lá!!! É o que se chama um jornal com ginástica! E isso é mau ou é bom? Ou antes pelo contrário?

Bj.

João Heitor disse...

Olá amiga!
A elasticidade é sempre boa.
Será, até neste caso, boa.
Depnde, claro está dos olhos que a vêem.
Para mim, um jornal deve ser um "elemento" dinâmico, de aconpanhamento e de transmissão de informação.
Estranha-se, e depois entranha-se, quando a notícia é paralela com o editorial, o editorial com a notícia.
Até porque, quem se lembra do filme " O Último dos Moicanos", deseja, firmemente, que "... há sempre alguém que resista, há sempre alguém que diz não...".
Beijinho

mlu disse...

"Ezactamente"! Depende (a elasticidade) dos olhos de quem a vê e da intenção de quem a pratica.Até pode ser só para manter a "linha"!

Beijinho.

maria mar disse...

Ui! K inveja desta elasticidade da foto (nao da outra!).
Há opçoes k cd um faz e k o credibiliza mais ou menos, consoante os olhos k o vêem ou lêem. kem sabe o k está por detras dessa...querias dzr elasticidade ou... plasticidade?!
kissss

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
João Heitor disse...

Opiniões divergentes são sempre aceites.
Faltas de respeito, não.

Alberto disse...

Quando um dia acabar talvez percebam o que fazia desse jornal uma coisa elástica mas interventiva.
De uma coisa tenho a certeza: tem muito pouco de parvo e ainda menos de estúpido.

João Heitor disse...

Eu sou dos que acreditam no projecto de jornal.
Senão não era seu colunista, como sou, há vários anos...