segunda-feira, 9 de maio de 2011

Os corações que gelo derretem...


Tu não percebes, mesmo que te ponha em palavras simples…


Põe ali o teu coração, de forma simples, enquanto aqui estou.


Não tenhas medo. Protejo o teu sentimento que em ti carregas, de simples maneira.


Perguntas que coisa é esta na vida, sobre a qual não consegues responder.


Distraída andas com as borboletas das noites de magia, onde a distracção te conduz à ignorância da óbvia solidão sem mim.


No mais pequeno beijo de distracção, que desculpas me dê para te roubar, imagina teu ser de livre forma ali ou aqui esteja.


Desde que te vi que a minha simples forma de viver mudou o ar de respirar…


Só, pela simples forma de o respirar de forma diferente.


Para quê complicar o já complicado coração que, desmesuradamente, se bate sem controlo face aos nossos olhos que te pulverizam em choque de intenso calor e desejo?


Já te disse, põe ali, junto ao meu, teu coração…

2 comentários:

Anónimo disse...

porque de simples maneira se vive um complexo sentimento chamado AMOR...:)


Vaps

Fugitiva disse...

Gostei!!! Muitoooo!!!