quarta-feira, 20 de junho de 2007

Entre ambas...?

Por aqui e pelo mundo fora perdemos horas e horas dentro dos carros.

Longe da família e dos amigos.

No caminho para o trabalho que nos faz obter os €uros que no mundo comandam a vida.

Entre a questão económica e a humana, perde a humana.

Entre ambas, qual é a qualidade de vida?

8 comentários:

Erica Adriana disse...

Comentário bem pragmático: o problema é que sem dinheiro, adeus qualidade de vida!

("Good morning, Lemmings!" foi ótimo!, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk)

chloé disse...

...ter momentos menos bons, para apreciar ainda com mais sabor os bons momentos da vida! =)

Engenheiro Bertinho disse...

é tudo uma questão de bom senso. Penso que hoje em dia a maioria das pessoas privam-se de ter uma vida pessoal mais satisfatória com a pressa de serem ricos e "bem sucedidos". Tudo é possível de conciliar e a vida não é só trabalho... afinal para quê trabalhar como um animal durante a vida toda? para no final ser o homem mais rico do cemitério? :)

loira disse...

Pior são aqueles q trabalham uma vida inteira e nunca conseguem ter a tão desejada qualidade de vida.

Vê-se bem q ser engenheiro afasta as pessoas da realidade do dia a dia de qualquer comum mortal.

Estou contigo João, a parte económica é fraca m as a qualidade de vida há mto q deixou de existir.

Bom fim de semana, bjocas

João Heitor disse...

A qualidade de vida não pode passar pelo local onde vivemos e pelo acesso aos bens de 1ª necessidade Erica, e assim não termos de recorrer tanto aos €uros?
;)

João Heitor disse...

Cholé, se assim não fosse não valiam a pena os esforços...
Beijinho

João Heitor disse...

Engenheiro
Os cemitérios estão cheios de pessoas foram uns miseráveis, para deixar milhares de €uros aos seus descendentes...
Mas a ambição desmedida, trai muita gente.
Cumprimentos e parabéns pelos seus blogues

João Heitor disse...

Ó Loira!
Temos de acreditar no €uromilhões!
Beijinho